Economia

Guedes, sobre suas falas polêmicas: ‘Estão fazendo assassinato de reputação’

O ministro da Economia, Paulo Guedes, se incomodou com as reiteradas críticas de parlamentares da oposição de falas polêmicas ditas por ele. Apesar de reconhecer algumas colocações infelizes, Guedes continuou reclamando de que as expressões foram tiradas de contexto.

“Vocês deputados deveriam respeitar, não pode ter crime de opinião”, respondeu, ao se explicar sobre a fala do “vírus fabricado na China”, da qual já havia desculpado publicamente.

“Também disseram que eu não quero que brasileiro viva 100 anos. Pelo amor de Deus, estão fazendo assassinato de reputação, virou uma espiral de ódio, todo mundo destrói a biografia de todo mundo”, acrescentou, em audiência pública conjunta das comissões de Finanças e Tributação; Educação; Trabalho, Administração e Serviço Público; e Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados.

Desde o começo da audiência pública, Guedes tem se explicado sobre diversas frases polêmicas ditas por ele, entre elas, a “festa das empregadas domésticas na Disney” e o “filho do porteiro que passou com nota zero na faculdade”.

Para cima