Saudade do Iguaçu cancela show a pedido do MPPR

O Município de Saudade do Iguaçu anunciou o cancelamento da contratação de uma conhecida dupla sertaneja para show marcado para o dia 18 de março, em comemoração ao aniversário da cidade. A decisão, que evita um gasto de R$ 230 mil aos cofres públicos, vem em resposta a uma recomendação administrativa do Ministério Público do Paraná (MPPR), através da 2ª Promotoria de Justiça de Chopinzinho.

-- 2 Notícia --

O MPPR, em documento enviado ao prefeito no dia 11 de março, ressaltou a disparidade dos valores contratados em relação a eventos anteriores em cidades vizinhas, onde a mesma dupla sertaneja se apresentou por quantias significativamente menores – R$ 95 mil em Chopinzinho e R$ 142,5 mil em Verê, no segundo semestre do ano passado.

Além disso, o Ministério Público destacou a preocupação com a redução nos repasses do Fundo de Participação dos Municípios e levantou questões sobre a priorização de serviços essenciais à população, como saúde.

-- 3 Notícia --

A situação financeira do município, que recentemente solicitou uma suplementação orçamentária para a Secretaria de Cultura a fim de cobrir despesas básicas, também foi um fator determinante para a recomendação do cancelamento.

Mais barato

-- 4 Notícia --

A Promotoria recomendava que o Município de Saudade do Iguaçu, que contratou a dupla com inegibilidade de licitação, conseguisse ao menos a redução do valor do contrato para o preço praticado em Verê.

Nesse sentido, o MPPR pontuou que os artistas já estariam em cidade próxima, para realização de um evento no dia anterior, bem como que o show seria realizado numa segunda-feira, o que apontaria para uma redução de despesas de logística e disponibilidade de agenda, fatores que justificariam que o valor fosse menor. O Município não conseguiu a redução do preço e optou pelo cancelamento do contrato.

-- 5 Notícia --
você pode gostar também

Comentários estão fechados.