Mulher é vítima de estelionato em Saudade do Iguaçu

A Polícia Militar foi acionada, na tarde da última quinta-feira, por uma moradora de Saudade do Iguaçu. A mulher, de 52 anos, relatou à equipe policial que recebeu mensagens via WhatsApp de um número de telefone que tinha a foto de seu filho no perfil, lhe pedindo um depósito via PIX no valor de R$ 2.890,00. Ela então realizou a transferência bancária e em seguida entrou em contato com seu filho, que lhe informou que não teria sido ele o solicitante, momento então em que percebeu ter sido vítima de um golpe.

Diante disso, a mulher foi orientada quanto aos procedimentos legais cabíveis e confeccionado o Boletim de Ocorrência. A PM informa que os registros de boletins de ocorrências de estelionato também podem ser realizados via página: https://www.policiacivil.pr.gov.br/BO.

O crime de estelionato encontra-se tipificado no Art. 171 do Código Penal: Obter, para si ou para outrem, vantagem ilícita, em prejuízo alheio, induzindo ou mantendo alguém em erro, mediante artifício, ardil, ou qualquer outro meio fraudulento, com pena de reclusão de um a 5 anos, e multa.

PM alerta Não realize transações financeiras sem antes verificar a veracidade dos fatos, pois golpistas podem estar utilizando-se de artimanhas para extorquir dinheiro das vítimas. Não seja você a próxima vítima! Em caso de suspeita, denuncie via telefones 190, 181 ou aplicativo 190 disponível na Play Store.

google.com, pub-3328565643923811, DIRECT, f08c47fec0942fa0