Almanaque+

13 de setembro é o dia da marvada

Marvada, mé, branquinha, pinga, cajibrina, limpa goela, bafo de tigre, cambeixa, leite de perereca.aguardente, caninha…Não importa qual o nome você dá, mas é inegável que nossa cachaça é bebida do Brasil.

Primeiro destilado da América Latina, mais antigo que o rum caribenho e a tequila mexicana, a bebida nasceu praticamente com o Brasil, há cerca de 500 anos, em um engenho desconhecido do litoral do país. Hoje, ela é produzida em todos os cantos do país, com mais de 4 mil marcas registradas e com uma grande diversidade de aromas, cores e sabores, variando de acordo com as diferenças regionais no método de produção. No entanto, o destilado, para ser chamado de cachaça, precisa seguir alguns pré-requisitos definidos na Instrução Normativa nº 13, de 29 de Junho de 2005:

  • ser produzida no Brasil
  • ter a graduação alcoólica entre 38% e 48%
  • ser feita com cana-de-açúcar
  • ser fermentada e depois destilada
  • levar, no máximo, 6 gramas de açúcar por litro
  • a concentração de congêneres não pode ser inferior a 200 miligramas por 100 mililitros
  • Se for envelhecida, utilizar barris de distintas madeiras brasileiras, como amburana, bálsamo, jequitibá-branco, jequitibá-rosa, ipê, ariribá, grápia, cabreuva, etc.

Se antes era relegada, hoje a cachaça ganha o mundo. Bebida versátil, de sabor único, pode ser consumida de diversas formas: pura, fria, quente ou em coquetéis que vão muito além da tradicional caipirinha. Ela harmoniza bem com queijos, aperitivos, carnes e até frutos do mar, e ganha receitas internacionais.

Confira algumas receitas:

Caipirinha Dourada

• 50ml de cachaça envelhecida em barril de madeira brasileira
• 1/2 limão siciliano
• 2 colheres de chá de mel
• Gelo a gosto
• Copo baixo caipirinha

Modo de preparo:
Corte o limão ao meio e em seguida corte uma das metades em gomos. Leve ao copo e adicione o mel. Macere delicadamente. Adicione o gelo e a medida da cachaça. Sirva com um mexedor.

Tonic Amburana

• 50ml de cachaça envelhecida em barril de amburana
• 150ml de água tônica
• Palito de cana de açúcar
• Limão siciliano
• Gelo a gosto
• Copo alto

Modo de preparo:
Esprema um 1/4 de limão siciliano. Adicione a medida de cachaça e o gelo e complete com a água tônica. Finalize decorando com uma rodela de limão siciliano e o palito da cana-de-açúcar.

French 75

  • 40 ml cachaça branca
  • 15 ml suco de limão taiti
  • 10 ml xarope de açúcar (para fazer, misture uma parte de água e uma de açúcar refinado)
  • 50 ml espumante seco
  • 1 unidade de casca de limão taiti para decorar
  • taça flûte

Modo de preparo:
Em uma coqueteleira, coloque todos os ingredientes, exceto o espumante. Bata com pedras de gelo suficientes para preencher a parte maior da coqueteleira. Passe por um coador de bar e sirva em uma taça flûte resfriada com antecedência. Complete com o espumante e torça de leve a casca do limão para aromatizar e use-a para decorar.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima